Alerta: cuidados com esses erros de construção | Casa Teto

Alerta: cuidados com esses erros de construção

  • Data : 11 de dezembro de 2020

Assim como na Medicina, a Construção Civil também usa o termo patologia e ele carrega o mesmo significado para ambas: doenças. No caso das obras, uma rachadura, por exemplo, é uma patologia de construção. Mesmo com a constante evolução tecnológica na área da construção, as patologias ainda causam muito incômodo. Além do possível dano estrutural, elas indicam que algo não está bem e geram prejuízos para os proprietários e construtores. Existem 4 tipos de patologias mais comuns e, para hoje, trouxemos um alerta para evitar esses erros de construção. Veja:

  1. Trincas e fissuras

Você já deve ter visto um exemplo dessa patologia em alguma construção. As trincas e fissuras costumam ser lineares e superficiais, causando um efeito estético muito desagradável. Mesmo sendo tratadas como uma patologia só, elas não são exatamente iguais. 

Conforme a NBR 9575:2003, que trata de impermeabilização, a diferença está na espessura de cada uma. E atenção: se as fissuras não forem corrigidas, elas podem se transformar em  trincas ou até rachaduras, provocando danos mais graves à edificação. 

Neste vídeo gravado pelo fundador da Casa Teto, Bruno Rezende, explica como uma fissura quase destruiu o sonho de construção de uma cliente da Casa Teto. Confira:

  1. Rachaduras

Maiores e mais profundas que as fissuras, as rachaduras apresentam abertura superior a um milímetro. Mais fáceis de serem percebidas, vento, água e até luz podem passar por elas. Bruno destaca ainda que as rachaduras em diagonal são sinais de alerta muito sérios: em grande quantidade, algo grave pode estar acontecendo.

  1. Infiltrações

As infiltrações são as mais graves patologias da Construção Civil porque os estragos feitos por elas causam enormes prejuízos. Mofo, bolor, pintura descascada e até maiores danos nas paredes e materiais metálicos da estrutura. Uma boa impermeabilização do prédio é a medida básica contra as infiltrações, estancando a umidade e não permitindo que ela degrade o reboco e a pintura. Um bom serviço de impermeabilização desde a fundação pode evitar que as infiltrações sejam uma dor de cabeça para sua obra.

  1. Corrosão das armaduras de aço

Outra patologia comum é a corrosão das armaduras de aço que recebem concreto. Esse fenômeno também é chamado de carbonatação e acontece em razão da ação de agentes químicos. Pode acontecer que o gás carbônico penetre nos poros do concreto e em contato com a umidade encontrada, forme um tipo de acidez que ataca a estrutura metálica. Ou ainda, se as peças da armadura foram colocadas muito próximas da superfície e não foram cobertas o suficiente pelo concreto, a corrosão acontece por exposição.

Ter uma equipe capacitada e capaz de eliminar qualquer patologia é fundamental para o sucesso da sua construção. Não abra mão da qualidade de um serviço em detrimento de preços mais baixos. Não custa lembrar que o barato sai caro! Se ainda restou alguma dúvida, entre em contato conosco através das redes sociais ou deixe sua pergunta nos comentários. Veja mais vídeos do canal da Casa Teto no YouTube clicando no link abaixo:

Comentar

Registro não necessário.

Ao comentar, você aceita nossas Políticas de Privacidade